AL: Protesto na Semge e Finanças marca dia de paralisação em Maceió

Publicado em Terça, 29 Maio 2018 08:42

2018 05 29 giro sinteal

O Movimento Unificado de Servidoras/es Públicas/os do Município de Maceió realizou, na manhã desta segunda-feira (28), mais uma atividade de protesto contra a “Prefeitura do 0%”. Com paralisação de dois dias começando hoje, a categoria promoveu uma caminhada pelo centro da cidade, bloqueou a rua em frente à Secretaria Municipal de Gestão (Semge) e ocupou por um curto período as secretarias municipais de Gestão e Finanças. A principal exigência é que seja apresentado um percentual de reajuste salarial bem como o pagamento das progressões (que é direito conquistado no Plano de Cargos e Carreira - PCC) a todas as classes de servidores/as, já que estão há dois anos sem reajuste.

Com a participação da CUT/AL, o Sinteal e outros sindicatos unificaram a luta desde a última assembleia, realizada no dia 21 de maio, no Clube Fênix Alagoana. Consuelo Correia, presidenta do Sinteal, uma das lideranças do movimento afirmou que: “Estamos cada vez mais fortes, em um movimento unido e coeso, reivindicando nossos direitos. A gestão diz que não tem dinheiro, mas já reajustou os contratos com as empresas, concedeu reajuste. Por que não negocia com a trabalhadoras/es? 0% não dá!”, disse ela.

O dia começou com chuva, mas a concentração na Praça Deodoro já deixou claro que a disposição da categoria não atrapalharia a agenda de luta. Centenas de pessoas se concentraram desde às 9h da manhã, e depois seguiram em caminhada com cartazes, faixas, bandeiras, apitos e buzinas, denunciando à sociedade o desrespeito do prefeito com aqueles que prestam serviço no município.

Ao chegar à Praça Zumbi dos Palmares, o protesto bloqueou a rua em frente à secretaria municipal de Economia. Além do Sinteal, estavam presentes trabalhadores/as do Sindprev, Sindiguarda, Saseal, Sindspref e de outras categorias. Uma parte do grupo entrou nas secretarias e dialogou com quem estava trabalhando e quem estava sendo atendido, mas de forma pacífica. “Você aí parado, também é explorado!”, dizia o grupo.

Ao final do dia, o grupo definiu a programação para o segundo e último dia de paralisação. O Sinteal vai realizar uma assembleia geral unificada de trabalhadoras/es em educação do Município e do Estado, e os sindicatos das outras categorias do movimento unificado farão mobilização nos locais de trabalho, convocando para uma vigília que acontece no dia 04 de junho, na Semge.

(Sinteal, 28/05/2018)

 
 
  17/09/2018
Boletim CNTE 820
19ª Semana Nacional em Defesa e Promoção da Educação Pública: um momento de reflexão para avançar no futuro!
INFORMATIVO CNTE 820  
 
 
Videoconferência Reforma Tributária Solidária (06/08/2018)
 
 

Programa 604: Em audiência pública, CNTE reitera posicionamento contrário à BNCC

 
 

Nota Pública: Lei da Mordaça (“Escola Sem Partido”) é inconstitucional, antidemocrática e antipedagógica

 
  Acesse a agenda de mobilizações da CNTE
 
  Acesse nossa galeria de fotos
 
  Disponível na Google Play e App Store
 

 VEJA MAIS NOTÍCIAS
Os recursos referentes à parcela de agosto do salário-educação estão disponíveis a partir desta sexta-feira (14), na conta corrente de estados, municípios e do Distrito Federal. Responsável pela...
Com a participação de mais de 450 profissionais da educação, aconteceu entre os dias 14 e 16 de setembro, o Encontro Extraordinário de Educação do Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de...
“A Emenda Constitucional 95 aponta para um futuro sombrio aonde a Educação será cada vez mais mercantilizada e dominada pela iniciativa privada”, afirmou o secretário de assuntos municipais da...
O Sindicato do Trabalhadores do Ensino Público de Mato Grosso (Sintep-MT) realiza, a partir desta sexta-feira (14.09), no Hotel Fazenda Mato Grosso, em Cuiabá, três dias (14, 15 e 16) de Encontro Extraordinário de...
A Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul (FETEMS) realizou na quarta-feira (12/9), o Seminário Sobre a Conjuntura Educacional com o Presidente da CNTE (Confederação Nacional dos...
O Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado do Tocantins (Sintet), através de Regional de Palmas, vem por meio dessa nota expressar repúdio contra a direção do CMEI Sementinhas do Saber, por viabilizar...
Jordana Mercado Reunido desde ontem (11) em Curitiba-PR, o Coletivo de Aposentados e Assuntos Previdenciáriosda CNTE está tendo as atividades numa dinâmica de debate, socialização das melhores práticas entre os...
El Grupo de Trabajo CLACSO Indígenas y espacio urbano Manifiesta su adhesión al comunicado: La dirección y los miembros investigadores del programa de investigación “Economía política y formaciones...
Os participantes do Congresso dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Educação do Estado da Paraíba aprovaram neste sábado (01/09), a denominação desta edição do encontro de “Congresso Lula...
Hoje (04/09), os/a trabalhadores/as da Prefeitura de Goiânia, em especial a categoria da Educação, atenderam à convocação do Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Goiás (SINTEGO) e das...
Para o Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado do Tocantins (Sintet), o resultado do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) divulgado pelo Ministério da Educação...
Funcionárias e funcionários em educação de Alagoas estiveram, na manhã desta terça-feira (04), em frente à sede do suposto Sindicato dos Auxiliares de Administração Escolar do Estado de...
Leia mais 
  Revista Mátria Programa de Formação Funcionários da educação Cadernos de Educação Pesquisas  
   
  Outras publicações 
 
   
   
  Mais eventos 
         
Outras campanhas 
         
         
         
         
 
 
             
INSTITUCIONAL LUTAS TABELA SALARIAL DOCUMENTOS LEGISLAÇÕES COMUNICAÇÃO FALE CONOSCO
             
- A CNTE - A Lei do Piso   - Caderno de Resoluções - Educacional - Notícias  
- Diretoria 2017/2021 - Cartilha do Piso   - Estatuto - Pesquisar - Giro pelos Estados  
- Entidades Filiadas - Propostas Diretrizes   - Moções   - CNTE Notícias  
- Secretarias de Carreira   - Notas Públicas   - Educação na Mídia  
  - Livreto Diretrizes       - Releases  
  e Carreira          
  - A Lei do PNE          
  - Cartilha do PNE    

CNTE - Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação

Endereço: SDS, Edifício Venâncio III, Salas 101/106
CEP: 70393-902 - Brasília-DF
E-mail: cnte@cnte.org.br

Telefone: +55 (61) 3225-1003

  - Royalties do Petróleo    
       
       
       
       
       
       
       
       
       
2014© Todos os direitos reservados.