AL: Assembleia do Sinteal discute funcionamento das escolas durante a greve

Publicado em Quinta, 16 Agosto 2018 12:24

Assembleia16 0823

“Decisão judicial não se discute, se cumpre!” Com esse objetivo, o Sinteal realizou, na manhã desta quinta-feira (16), uma grande assembleia de greve da rede municipal de Maceió para discutir formas de organizar o movimento e o funcionamento do percentual exigido pela justiça para garantir a legalidade da greve.

Em decisão publicada na semana passada, a greve foi reconhecida legal, no entanto o desembargador Fábio Bittencourt recomendou que as escolas devem permanecer com 63,68% de seu funcionamento normal. Por isso a assembleia foi convocada. A presidenta do Sinteal, Consuelo Correia, comemora a decisão judicial e parabeniza o movimento que tem mantido a força. “É muito bom quando um operador da justiça reconhece que o nosso pleito é legítimo, vamos sim nos esforçar para cumprir o que foi determinado, mas manteremos a força da nossa mobilização no enfrentamento ao gestor”, garantiu Consuelo.

Em formato de roda, a assembleia foi caracterizada pela construção coletiva, com participação intensa da base, e de toda a diversidade de unidades de ensino que estava presente, apresentando as especificidades de cada uma. Com o propósito de contemplar todas as séries, tanto creche quanto as outras unidades, surgiram muitas ponderações, propostas e reflexões.

Algumas falas destacaram que a situação está muito precária por culpa da gestão municipal, e não da greve. “Está faltando até professor de português e matemática em algumas turmas do EJA”, exemplificou um professor. Ficou muito clara durante toda a reunião a preocupação de todas/os com as/os alunas/os. “Somos nós que nos preocupamos com os filhos da classe trabalhadora”, disse Consuelo Correia. “Nós somos mais sensíveis que o gestor, porque ele poderia ter evitado esse processo se não promovesse o sucateamento e a precarização”, completou uma professora.

Ficou definido que todas as escolas funcionarão nos mesmos dias, para que todas/os as/os trabalhadoras/es possam participar das mobilizações de greve. Três dias por semana nas escolas, os outros dois serão reservados para as atividades de greve organizadas pelo Sinteal. As escolas funcionarão da seguinte forma: Em uma semana haverá aula nos dias de segunda/terça/quarta, na semana seguinte a aula acontece nos dias de quarta/quinta/sexta. Essa alternância deve se repetir até o fim da greve.

Também ficou definido que, no dia 30/08 (quinta-feira), haverá um ato público na Praça Deodoro pela manhã, no mesmo horário da audiência de conciliação que está marcada no Tribunal de Justiça.

(Sinteal, 16/08/2018)

 
 
  17/09/2018
Boletim CNTE 820
19ª Semana Nacional em Defesa e Promoção da Educação Pública: um momento de reflexão para avançar no futuro!
INFORMATIVO CNTE 820  
 
 
Videoconferência Reforma Tributária Solidária (06/08/2018)
 
 

Programa 604: Em audiência pública, CNTE reitera posicionamento contrário à BNCC

 
 

Nota Pública: Lei da Mordaça (“Escola Sem Partido”) é inconstitucional, antidemocrática e antipedagógica

 
  Acesse a agenda de mobilizações da CNTE
 
  Acesse nossa galeria de fotos
 
  Disponível na Google Play e App Store
 

 VEJA MAIS NOTÍCIAS
Desde de segunda-feira (17/09), ocorre em todo o Brasil a 19ª Semana Nacional em Defesa e Promoção da Educação Pública. Conforme orientação da Confederação, o Sindicato dos...
Os recursos referentes à parcela de agosto do salário-educação estão disponíveis a partir desta sexta-feira (14), na conta corrente de estados, municípios e do Distrito Federal. Responsável pela...
Com a participação de mais de 450 profissionais da educação, aconteceu entre os dias 14 e 16 de setembro, o Encontro Extraordinário de Educação do Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de...
“A Emenda Constitucional 95 aponta para um futuro sombrio aonde a Educação será cada vez mais mercantilizada e dominada pela iniciativa privada”, afirmou o secretário de assuntos municipais da...
O Sindicato do Trabalhadores do Ensino Público de Mato Grosso (Sintep-MT) realiza, a partir desta sexta-feira (14.09), no Hotel Fazenda Mato Grosso, em Cuiabá, três dias (14, 15 e 16) de Encontro Extraordinário de...
A Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul (FETEMS) realizou na quarta-feira (12/9), o Seminário Sobre a Conjuntura Educacional com o Presidente da CNTE (Confederação Nacional dos...
O Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado do Tocantins (Sintet), através de Regional de Palmas, vem por meio dessa nota expressar repúdio contra a direção do CMEI Sementinhas do Saber, por viabilizar...
Jordana Mercado Reunido desde ontem (11) em Curitiba-PR, o Coletivo de Aposentados e Assuntos Previdenciáriosda CNTE está tendo as atividades numa dinâmica de debate, socialização das melhores práticas entre os...
El Grupo de Trabajo CLACSO Indígenas y espacio urbano Manifiesta su adhesión al comunicado: La dirección y los miembros investigadores del programa de investigación “Economía política y formaciones...
Os participantes do Congresso dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Educação do Estado da Paraíba aprovaram neste sábado (01/09), a denominação desta edição do encontro de “Congresso Lula...
Hoje (04/09), os/a trabalhadores/as da Prefeitura de Goiânia, em especial a categoria da Educação, atenderam à convocação do Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Goiás (SINTEGO) e das...
Para o Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado do Tocantins (Sintet), o resultado do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) divulgado pelo Ministério da Educação...
Leia mais 
  Revista Mátria Programa de Formação Funcionários da educação Cadernos de Educação Pesquisas  
   
  Outras publicações 
 
   
   
  Mais eventos 
         
Outras campanhas 
         
         
         
         
 
 
             
INSTITUCIONAL LUTAS TABELA SALARIAL DOCUMENTOS LEGISLAÇÕES COMUNICAÇÃO FALE CONOSCO
             
- A CNTE - A Lei do Piso   - Caderno de Resoluções - Educacional - Notícias  
- Diretoria 2017/2021 - Cartilha do Piso   - Estatuto - Pesquisar - Giro pelos Estados  
- Entidades Filiadas - Propostas Diretrizes   - Moções   - CNTE Notícias  
- Secretarias de Carreira   - Notas Públicas   - Educação na Mídia  
  - Livreto Diretrizes       - Releases  
  e Carreira          
  - A Lei do PNE          
  - Cartilha do PNE    

CNTE - Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação

Endereço: SDS, Edifício Venâncio III, Salas 101/106
CEP: 70393-902 - Brasília-DF
E-mail: cnte@cnte.org.br

Telefone: +55 (61) 3225-1003

  - Royalties do Petróleo    
       
       
       
       
       
       
       
       
       
2014© Todos os direitos reservados.