AL: Sinteal dá posse às chapas eleitas para Executiva estadual e Núcleos Regionais

Publicado em Terça, 30 Outubro 2018 10:10

2018 10 30 giro sinteal

Com a presença das/os diretoras/es eleitas/os para a Gestão 2018-2022, e encerrando o processo democrático de diálogo e votação da categoria, a Comissão Eleitoral Geral (CEG) das eleições do Sinteal realizou, nesta segunda-feira (29/10), no Espaço Cultural Professora Jarede Viana, na sede da entidade, a solenidade de posse da Executiva estadual e dos 11 Núcleos Regionais (todas/os da Chapa 1 “Unidade, Luta e Compromisso”), além das/os delegadas/os (e suplentes) à Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) e também do Conselho Fiscal.

Companheiras/os de todos os núcleos regionais compareceram ao evento para assinar o termo de posse, prometendo muita luta nos próximos quatro anos de mandato. A presidenta reeleita do Sinteal, professora Maria Consuelo Correia, em sua fala, lembrou com preocupação, que “o momento vivido no Brasil é de ataques à democracia, e precisamos responder com resistência”. Ela agradeceu aos membros da Comissão Eleitoral Geral pela condução isenta e legalista dos trabalhos eleitorais e ressaltou a lisura do pleito, que teve a participação exemplar das/os filiadas/os ao sindicato.

Mesa de abertura

Antes da composição da mesa de abertura da solenidade de posse, houve a exibição de vídeo que, resumidamente, contou um pouco da história de luta do Sinteal em trinta anos de resistência.

A mesa de abertura contou com as presenças de Consuelo Correia, do presidente da Comissão Eleitoral Geral, o oficial de Justiça Américo Albuquerque, da presidenta da CUT em Alagoas, Rilda Jesuíno, de Cícero Lourenco (SindPrev e Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social), além de Girlene Lázaro (representante da CNTE - Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação) e, finalmente, representando as/os companheiras/os eleitas/os dos onze núcleos regionais, o professor Pedro Pereira (Núcleo regional Sinteal/Delmiro Gouveia).

Falas

Em seu pronunciamento, a presidenta da Central Única dos Trabalhadores em Alagoas, Rilda Alves, alertou para os ataques das forças de direita no país, e disse que “precisaremos de um Sinteal firme e forte, com compromisso de luta e com muita unidade, como está no lema da chapa vitoriosa”. Ela conclamou a todos a uma coisa:

“Resistência, resistência, resistência”.

Cícero Lourenço, representando o SindPrev e a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social, parabenizou a presidenta reeleita Consuelo Correia em nome de todas/os as/os sindicalistas eleitas/os democraticamente pelas/os trabalhadoras/es em educação, fez questão de enaltecer o correto trabalho da Comissão Eleitoral Geral (“nas pessoas da primeira presidenta Norma Suely, e depois com o presidente indicado pela Justiça, Américo Albuquerque”), e encerrou sua fala alertando para a onda fascista no país, “que temos o compromisso de combater. O momento é de resistência e luta!”.

O diretor reeleito pela Chapa 1, do Núcleo Regional Sinteal/Delmiro Gouveia, Pedro Pereira, que representou na mesa de abertura todos os onze núcleos regionais eleitos e empossados, enalteceu a importância do processo eleitoral no Sinteal, “quando tivemos a oportunidade de visitar cada escola para debater com a nossa categoria, porque a luta só se faz com diálogo e com unidade”. Ele conclamou a todas/os a seguir “com garra para fazer a diferença, porque fazer sindicato é favorecer cada trabalhador em sua integralidade”.

A representante da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação, Girlene Lázaro, trouxe os “parabéns” da Confederação - à qual o Sinteal é o primeiro filiado em todo o Brasil - e disse ter certeza que “o Sinteal continuará organizando a luta dos trabalhadores e trabalhadoras em educação em Alagoas de modo unitário, mobilizando a categoria em defesa de seus interesses”. Como os demais componentes da mesa, fez questão de alertar para o grave momento vivido no Brasil: “Precisamos reforçar a resistência democrática, porque não vai ser uma lei da mordaça que vai nos calar. A gente segue em frente na luta!”.

Encerrando as falas antes do pronunciamento final da presidenta reeleita do Sinteal, o presidente da Comissão Eleitoral Geral (CEG), Américo Albuquerque, agradeceu em nome também do SindJus (da qual é diretor) o comparecimento das/os diretoras/es eleitas/os da Executiva estadual, dos núcleos regionais, das/os delegadas/os e suplentes à CNTE e do Conselho Fiscal. Fez agradecimentos especiais a todas as pessoas envolvidas no árduo dia a dia de trabalho da CEG. Ressaltando que “a democracia é uma joia rara, que deve ser vigiada diuturnamente, e que neste momento deve ser vigiada por todos”, Américo disse que o compromisso de todos os diretores e diretoras eleitos para a nova gestão “não é só com os trabalhadores em educação, mas com todos os cidadãos e cidadãs. Não é tão somente um compromisso de classe. Pelo peso e importância do Sinteal, é um compromisso que transcende para um dever muito maior”.

Consuelo assina Livro de Posse e Apresentação dos Núcleos eleitos

Após sua fala, o presidente da Comissão Eleitoral geral, Américo Albuquerque deu início, de fato, à solenidade lendo o Termo de Posse dos mandatos sindicais, assinado simbolicamente pela presidente reeleita Consuelo Correia. Após esta assinatura, o Cerimonial foi chamando para apresentação e palmas de comemoração e agradecimentos todas as diretorias eleitas para a Gestão 2018-2022 do Sinteal, começando pelas/os diretoras/es da Executiva estadual, depois pelas/os companheiras/os dos 11 núcleos regionais (Santana do Ipanema, São Miguel dos Campos, União dos Palmares, Delmiro Gouveia, Viçosa, Rio Largo, Penedo, Arapiraca, Matriz do Camaragibe, Pão de Açúcar e Palmeira dos Índios), além das/os delegadas/os e suplentes à CNTE e os membros (e suplentes) do Conselho Fiscal do Sinteal. A cada apresentação, reações de agradecimento da plenária e de incentivo à luta de ambas as partes, com as/os presidentes de cada núcleo assinando o termo de posse AL lado da presidente reeleita e do presidente da Comissão Eleitoral Geral.

Fala de Paulão

O deputado federal reeleito pelo Partido dos Trabalhadores (PT/AL), Paulo Fernando dos Santos, mesmo com viagem a Brasília (DF), prestigiou a solenidade de posse e, em sua fala, alertou para “o grave risco à democracia que o país está vivenciando”. Ele pediu à categoria “resistência e luta, porque vocês simbolizam isto”.

Fala de Consuelo

Encerrando a solenidade, a presidenta reeleita pela categoria, Maria Consuelo Correia, disse que o sentimento de todos os companheiros e companheiras presentes era de vitória e unidade. Agradecendo aos membros da Comissão Eleitoral Geral, Consuelo ressaltou a importância do processo democrático e disse que a categoria sai fortalecida. Ela fez também um agradecimento especial ao companheiro sindicalista Cícero Lourenço, do SindPrev.

Consuelo disse, por fim, que “de nossa parte, a promessa é de mais resistência e luta. Enfrentaremos com altivez aos ataques aos sindicatos pelas forças fascistas, que querem impedir a liberdade de organização”, O Sinteal é a luta de cada trabalhadora e cada trabalhador em educação. É símbolo de resistência em Alagoas. Viva o Sinteal!”.

(Sinteal, 30/10/2018)

 
 
  10/12/2018
Boletim CNTE 824
É urgente que as entidades educacionais se manifestem contra a aprovação sorrateira da nova BNCC do Ensino Médio
INFORMATIVO CNTE 824  
 
 
Videoconferência Reforma Tributária Solidária (06/08/2018)
 
 

Programa 606 - Vitória: projeto "Escola Sem Partido" é arquivado

 
 

Carta aberta aos(às) trabalhadores(as) em educação e à sociedade sobre os retrocessos na agenda social do país

 
  Acesse a agenda de mobilizações da CNTE
 
  Acesse nossa galeria de fotos
 
  Disponível na Google Play e App Store
 

 VEJA MAIS NOTÍCIAS
Os membros do Conselho Geral do Sinte-PI realizaram a primeira reunião de 2019 na última terça-feira (15) para discutir pontos importantes para organização da categoria neste início de ano, como o reajuste dos...
Decisão foi votada em assembleia nesta quarta, 16, em protesto pelo cumprimento das reivindicações dos profissionais da Educação Os trabalhadores em educação da rede municipal de Guaraí decidiram...
Com o tema “Uma construção coletiva: a resistência do magistério público à BNCC e padronização curricular” o SINTESE realiza dia 01 de fevereiro, das 8h às 16h, no auditório...
Desde o dia 1º de janeiro, o piso salarial do Magistério válido para todos os docentes do país é de R$ 2.557,74. Isso representa um reajuste de 4,17% frente aos R$ 2.455,00 em 2018. O valor corresponde ao vencimento...
Em seus primeiros dias do novo mandato, o novo governador do Paraná, Ratinho Junior (PSD), publicou um decreto para bloqueio de R$ 8 bilhões das contas públicas do Estado. Isso significa que o governo poderá deixar de gastar...
Além de toda a luta coletiva que a rede estadual tem feito, o Sind-UTE/MG tem travado uma luta para que o Judiciário cumpra seu papel na garantia de direitos para os servidores e servidoras da educação. Até o mês...
O ano letivo na rede estadual de ensino de São Paulo se iniciará sob a égide de um novo governo, com problemas acumulados ao longo de anos e uma nova situação que poderá agravar ainda mais a falta de professores...
Como parte da Campanha Mundial contra a Privatização e o Comércio da Educação, a CNTE convida sindicatos filitados a participarem da apresentação do estudo sobre este tema realizado pela Internacional da...
O Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (Sind-UTE/MG), ao repercutir a escala de pagamento anunciada pelo governo do Estado, nesta terça-feira (8/1/19) faz as seguintes considerações: O...
Nesta sexta-feira, 11 de janeiro, acontece a primeira Assembleia Geral da Educação de 2019. O encontro será realizado às 15h, na sede do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Educação do Estado da...
Desde que algumas redes começaram a anunciar o adiamento do início do ano letivo de 2019, e que essa possibilidade foi aventada no município de Betim, diante da publicação do Decreto de Estado de Emergência...
Na tarde desta segunda-feira (07/01/19), a direção estadual do Sind-UTE/MG solicitou ao Governador Romeu Zema que abra processo de negociação com a entidade. A solicitação foi feita com urgência,...
Leia mais 
  Revista Mátria Programa de Formação Funcionários da educação Cadernos de Educação Pesquisas  
   
  Outras publicações 
 
   
   
  Mais eventos 
         
Outras campanhas 
         
         
         
         
 
 
             
INSTITUCIONAL LUTAS TABELA SALARIAL DOCUMENTOS LEGISLAÇÕES COMUNICAÇÃO FALE CONOSCO
             
- A CNTE - A Lei do Piso   - Caderno de Resoluções - Educacional - Notícias  
- Diretoria 2017/2021 - Cartilha do Piso   - Estatuto - Pesquisar - Giro pelos Estados  
- Entidades Filiadas - Propostas Diretrizes   - Moções   - CNTE Notícias  
- Secretarias de Carreira   - Notas Públicas   - Educação na Mídia  
  - Livreto Diretrizes       - Releases  
  e Carreira          
  - A Lei do PNE          
  - Cartilha do PNE    

CNTE - Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação

Endereço: SDS, Edifício Venâncio III, Salas 101/106
CEP: 70393-902 - Brasília-DF
E-mail: cnte@cnte.org.br

Telefone: +55 (61) 3225-1003

  - Royalties do Petróleo    
       
       
       
       
       
       
       
       
       
2014© Todos os direitos reservados.