MT: Conselho do Sintep/MT define pauta de luta para deliberação em Assembleia Geral

Publicado em Segunda, 04 Fevereiro 2019 10:03

2019 02 04 giro SintepMT

Estado de Greve, Assembleia Permanente, mobilização estadual unificada em 12 de fevereiro e realização do 2º Conselho de Representantes para março. Esses foram os principais pontos de pauta encaminhados pelo 1º Conselho de Representantes do Sindicatos dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso (Sintep/MT) de 2019, para a rede estadual. As pautas nortearão os debates da Assembleia Geral desta segunda-feira (04.02), no ginásio da Escola Estadual Presidente Médici, em Cuiabá.

A categoria, com referendo de 104 municípios representados na plenária de dois dias, deliberou coletivamente sobre o contra-ataque aos desmontes da Educação Pública e dos direitos dos profissionais tanto da rede estadual como das redes municipais em Mato Grosso.

Segundo o presidente do Sintep/MT os relatórios apresentados pelos grupos regionais revelaram que muitas das políticas educacionais implantadas na era Temer e Taques iniciaram o processo de desmonte das práticas pedagógicas. E que, na atual gestão Bolsonaro e Mendes, foram reforçadas com medidas ainda mais graves para a carreira dos profissionais da educação e para o direito de acesso à educação pública e de qualidade.

“A nossa orientação será para o enfrentamento, com a adesão na paralisação unificada dia 12. Defendemos o estado de alerta e a assembleia permanente, podendo nos mobilizar para uma greve a qualquer momento. Pois, uma mobilização imediata deixaria de fora os contratados, que ainda não atribuíram aulas. Contudo, as deliberações ficarão nas mãos da base”, afirmou.

Nos debates foram destaques questões vivenciadas pelo modelo de educação da Escola Plena, Escola Militar, ameaça da Reforma do Ensino Médio na formação dos jovens, o Piso Salarial Profissional Nacional em vigor desde 2008, contudo um desafio em muitos municípios, o ataques a carreira com os Plano de Cargos e Remuneração (PCR). E, claro, o pacote de maldades do governo Mauro Mendes, que arrocha ainda mais as conquistas da carreira, na rede estadual, assim como compromete as políticas educacionais defendidas pelos educadores e pelas educadoras da escola pública.

(Sintep/MT, 04/02/2019)

 
 
  12/04/2019
Boletim CNTE 832
Início dos encontros dos coletivos da CNTE
INFORMATIVO CNTE 832  
 
 
Heleno Araújo participa de palestra sobre a reforma da Previdência em Pernambuco
 
 

Programa 611 - Lançamento da 20ª Semana Nacional em Defesa e Promoção da Educação Pública

 
 

Novo ministro da Educação, Abrahan Weintraub, indica o aprofundamento das políticas de mercantilização e privatização da educação no país

 
  Acesse a agenda de mobilizações da CNTE
 
  Acesse nossa galeria de fotos
 
  Disponível na Google Play e App Store
 

 VEJA MAIS NOTÍCIAS
O Sindeducação tem recebido, ao longo das últimas semanas, diversas denúncias de professores que acusam as direções de escola, de exigir que os educadores trabalhem 15 minutos além da sua jornada, como...
O Sintero anuncia programação das Regionais para a 20ª Semana Nacional em Defesa e Promoção da Escola Pública, organizada pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação...
Preocupado com a saúde dos profissionais da educação, o Sinteal esteve na secretaria municipal de saúde de Maceió, no dia 11 de abril, para falar sobre a campanha de vacinação contra o vírus...
Os professores da rede municipal de Educação de Riachinho estão em greve por tempo indeterminado desde o dia 8 de abril. A decisão foi tomada pela categoria em assembleia geral, no dia 28 de março. O movimento...
O dia 15 de abril de 2019 marcou o início da greve da Educação no Estado do Amazonas. Os/as trabalhadores/as em educação do Estado, representados pelo SINTEAM, deflagraram o movimento grevista da categoria com uma...
O Sintero recebeu respostas de diversas reivindicações dos trabalhadores em educação, através do ofício nº4533/2019, expedido pela Secretaria de Educação do Estado de Rondônia (Seduc),...
A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação – CNTE, entidade representativa dos/as profissionais da educação básica do setor público brasileiro, repudia a atitude da...
Presidente da CNTE, Heleno Araújo, contribui com o ensaio “A Educação Cidadão ao golpe de 2016”, no livro A Constituição Traída que terá lançamento nacional em Recife -...
O Movimento Unificado dos Servidores Públicos de Maceió obteve importante vitória na última sexta-feira (12), após a inédita reunião com a presença do prefeito da capital, Rui Palmeira, e que...
O Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso renova a representação dentro do Conselho Estadual de Educação de Mato Grosso (CEE-MT) para a gestão 2019-2023. A nova composição,...
O governo de Jair Bolsonaro (PSL) enviou ao Congresso Nacional um Projeto de Lei (PL) que regulamenta o ensino domiciliar. O PL faz parte das metas dos 100 dias de governo do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos...
As atividades de mobilização do Dia em Defesa dos Precatórios do FUNDEF para os profissionais do Magistério prosseguiram na tarde de quinta-feira (11). O Sindeducação e o Sinproesemma promoveram um debate, com...
Leia mais 
  Revista Mátria Programa de Formação Funcionários da educação Cadernos de Educação Pesquisas  
   
  Outras publicações 
 
   
   
  Mais eventos 
         
         
Outras campanhas 
         
         
         
         
 
 
             
INSTITUCIONAL LUTAS TABELA SALARIAL DOCUMENTOS LEGISLAÇÕES COMUNICAÇÃO FALE CONOSCO
             
- A CNTE - A Lei do Piso   - Caderno de Resoluções - Educacional - Notícias  
- Diretoria 2017/2021 - Cartilha do Piso   - Estatuto - Pesquisar - Giro pelos Estados  
- Entidades Filiadas - Propostas Diretrizes   - Moções   - CNTE Notícias  
- Secretarias de Carreira   - Notas Públicas   - Educação na Mídia  
  - Livreto Diretrizes       - Releases  
  e Carreira          
  - A Lei do PNE          
  - Cartilha do PNE    

CNTE - Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação

Endereço: SDS, Edifício Venâncio III, Salas 101/106
CEP: 70393-902 - Brasília-DF
E-mail: cnte@cnte.org.br

Telefone: +55 (61) 3225-1003

  - Royalties do Petróleo    
       
       
       
       
       
       
       
       
       
2014© Todos os direitos reservados.