Existe escravidão na Educação Infantil brasileira, diz especialista

Publicado em Terça, 14 Novembro 2017 16:16

WhatsApp Image 2017 11 14 at 12.44.42

Durante a reunião temática para discutir a “Educação Infantil como Direito e Política de Estado”, dentro das atividades que precede o IV Encontro do Movimento Pedagógico Latino-Americano, em Belo Horizonte, a professora Jaqueline Pasuch, do Mieib/Brasil, disse que a Lei Áurea não foi assinada para os profissionais da educação na primeira infância, pois nos estabelecimentos ainda tem muitos técnicos que fazem tudo, por falta de estrutura e prioridade da política educacional nesta modalidade.

Segundo a professora, com mais de 32 anos de magistério, a escrava negra de canela fina que servia para cuidar os filhos dos brancos nos séculos passados continua presente nas escolas de todo o Brasil. “Ela que faz tudo e não recebe nem 10% do valor pago aos profissionais, que já ganha mal. Temos que acabar com isso no país”, ressaltou Jaqueline.

Para o secretário de Assuntos Educacionais da CNTE, professor Gilmar Soares Ferreira, a educação infantil como direito é fundamental para condição para socialização, desenvolvimento sócio-psico-afetivo integral da criança e, por consequência, melhor aprendizado nos anos sequentes na escola.

“Nós defendemos o Sistema Único de Ensino ou Educação, a formação e valorização profissional igual para os educadores desde a educação infantil até o ensino médio, além de uma carreira única. Só assim vamos garantir uma política educacional de qualidade desde a primeira infância”, afirma Gilmar Soares.

O professor Gilmar defende ainda que o piso salarial deve ser único e a jornada compatível e única em uma só escola. A Reunião continua até o final da tarde, quando os participantes vão elaborar as linhas de ação para a organização sindical intervir nas políticas da primeira infância nos países da América Latina e no Brasil.

>> Clique nas imagens abaixo e veja a programação de cada evento:

CNTE Encontro card LGBTCNTE Encontro card MujeresCNTE Encontro card PrimeraInfanciaCNTE Encontro card PueblosIndigenasiv encontro educacao superior post facebook 

Veja mais fotos do evento no página oficial da CNTE no Facebook.

 
 
  17/09/2018
Boletim CNTE 820
19ª Semana Nacional em Defesa e Promoção da Educação Pública: um momento de reflexão para avançar no futuro!
INFORMATIVO CNTE 820  
 
 
Videoconferência Reforma Tributária Solidária (06/08/2018)
 
 

Programa 604: Em audiência pública, CNTE reitera posicionamento contrário à BNCC

 
 

Nota Pública: Lei da Mordaça (“Escola Sem Partido”) é inconstitucional, antidemocrática e antipedagógica

 
  Acesse a agenda de mobilizações da CNTE
 
  Acesse nossa galeria de fotos
 
  Disponível na Google Play e App Store
 

 VEJA MAIS NOTÍCIAS
Os recursos referentes à parcela de agosto do salário-educação estão disponíveis a partir desta sexta-feira (14), na conta corrente de estados, municípios e do Distrito Federal. Responsável pela...
Com a participação de mais de 450 profissionais da educação, aconteceu entre os dias 14 e 16 de setembro, o Encontro Extraordinário de Educação do Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de...
“A Emenda Constitucional 95 aponta para um futuro sombrio aonde a Educação será cada vez mais mercantilizada e dominada pela iniciativa privada”, afirmou o secretário de assuntos municipais da...
O Sindicato do Trabalhadores do Ensino Público de Mato Grosso (Sintep-MT) realiza, a partir desta sexta-feira (14.09), no Hotel Fazenda Mato Grosso, em Cuiabá, três dias (14, 15 e 16) de Encontro Extraordinário de...
A Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul (FETEMS) realizou na quarta-feira (12/9), o Seminário Sobre a Conjuntura Educacional com o Presidente da CNTE (Confederação Nacional dos...
O Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado do Tocantins (Sintet), através de Regional de Palmas, vem por meio dessa nota expressar repúdio contra a direção do CMEI Sementinhas do Saber, por viabilizar...
Jordana Mercado Reunido desde ontem (11) em Curitiba-PR, o Coletivo de Aposentados e Assuntos Previdenciáriosda CNTE está tendo as atividades numa dinâmica de debate, socialização das melhores práticas entre os...
El Grupo de Trabajo CLACSO Indígenas y espacio urbano Manifiesta su adhesión al comunicado: La dirección y los miembros investigadores del programa de investigación “Economía política y formaciones...
Os participantes do Congresso dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Educação do Estado da Paraíba aprovaram neste sábado (01/09), a denominação desta edição do encontro de “Congresso Lula...
Hoje (04/09), os/a trabalhadores/as da Prefeitura de Goiânia, em especial a categoria da Educação, atenderam à convocação do Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Goiás (SINTEGO) e das...
Para o Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado do Tocantins (Sintet), o resultado do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) divulgado pelo Ministério da Educação...
Funcionárias e funcionários em educação de Alagoas estiveram, na manhã desta terça-feira (04), em frente à sede do suposto Sindicato dos Auxiliares de Administração Escolar do Estado de...
Leia mais 
  Revista Mátria Programa de Formação Funcionários da educação Cadernos de Educação Pesquisas  
   
  Outras publicações 
 
   
   
  Mais eventos 
         
Outras campanhas 
         
         
         
         
 
 
             
INSTITUCIONAL LUTAS TABELA SALARIAL DOCUMENTOS LEGISLAÇÕES COMUNICAÇÃO FALE CONOSCO
             
- A CNTE - A Lei do Piso   - Caderno de Resoluções - Educacional - Notícias  
- Diretoria 2017/2021 - Cartilha do Piso   - Estatuto - Pesquisar - Giro pelos Estados  
- Entidades Filiadas - Propostas Diretrizes   - Moções   - CNTE Notícias  
- Secretarias de Carreira   - Notas Públicas   - Educação na Mídia  
  - Livreto Diretrizes       - Releases  
  e Carreira          
  - A Lei do PNE          
  - Cartilha do PNE    

CNTE - Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação

Endereço: SDS, Edifício Venâncio III, Salas 101/106
CEP: 70393-902 - Brasília-DF
E-mail: cnte@cnte.org.br

Telefone: +55 (61) 3225-1003

  - Royalties do Petróleo    
       
       
       
       
       
       
       
       
       
2014© Todos os direitos reservados.