CNTE entrega carta de reivindicações para o novo presidente da Comissão de Educação da Câmara dos Deputados

Publicado em Terça, 10 Abril 2018 15:33

2018 04 10 comissao educacao

Na manhã desta terça-feira (10), o presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), Heleno Araújo, e a secretária geral da entidade, Fátima Silva, se reuniram com o novo presidente da Comissão de Educação da Câmara dos Deputados, Danilo Cabral (PSB-PE). Os diretores apresentaram o calendário de lutas da CNTE, o que inclui as mobilizações para a implantação do Plano Nacional de Educação (PNE) e o financiamento deste plano.

Heleno Araújo entregou ao deputado Danilo Cabral uma carta contendo as pautas da Confederação em defesa de uma educação pública, gratuita e de qualidade. Foram entregues também publicações da CNTE sobre a reforma do ensino médio e o financiamento da educação, entre as quais, o livro produzido pela CNTE em parceria com a UnB: “Privatização e mercantilização da educação básica no Brasil”. O presidente da CNTE explicou que a Internacional da Educação (IE) vem produzindo uma pesquisa global sobre privatização e mercantilização do ensino público e que a CNTE, junto com a IE, luta para que os recursos públicos sejam destinados somente para a educação pública.

Carta
A carta que a diretoria da CNTE entregou ao deputado Danilo Cabral menciona uma preocupação com as ações governamentais e as iniciativas parlamentares voltadas à privatização e à mercantilização da educação básica e superior, em detrimento da gestão e de recursos e insumos necessários para garantir o fortalecimento da Escola e da Universidade públicas. Também indica apoio aos projetos que tratam sobre a regulamentação dos regimes de cooperação e colaboração para consolidar o Sistema Nacional de Educação e o Custo Aluno Qualidade, especialmente o PL 413/2014 e PL 2.725/2015, uma vez que estão em consonância com o PNE e as deliberações da CONAE. Os debates sobre o FUNDEB permanente (PEC 15/2015) e a Lei de Responsabilidade Educacional (PL 7.420/2006) também foram citados na carta.

O deputado Danilo Cabral relatou que tem concordância com muitos pontos levantados pela CNTE, principalmente em torno do Plano Nacional de Educação e explicou que é preciso aproveitar o ano eleitoral para sensibilizar os parlamentares: “Se a gente não fizer uma mobilização no sentido de reposicionar o PNE como uma questão central e estratégica, ele vai se transformar em mais mais um documento sem eficácia”. O deputado se comprometeu a fazer uma mobilização em torno de presidenciáveis para que eles assumam essa questão do PNE e também do financiamento da educação.

Seminário
No próximo dia 20 de junho a Comissão de Educação pretende se somar à Frente Parlamentar em Defesa da Implementação do Plano Nacional de Educação (PNE), liderada pelo deputado Pedro Uczai (PT-SC), em um Seminário que vai debater educação e financiamento. “Nessa ocasião vamos extrair um documento que seja fruto do consenso em torno do Plano Nacional de Educação”, garante Danilo Cabral.

Comissão de Educação
A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados elegeu, no dia 3 de abril, o deputado Danilo Cabral (PSB-PE) para ocupar a Presidência neste ano parlamentar. Também foram eleitos a 1ª vice-presidente: Deputada Professora Dorinha Seabra Rezende (DEM-TO) e 2ª vice-presidente: Deputada Alice Portugal (PCdoB-BA). A votação para a vaga da 3º vice-presidente ficou em aberto para uma próxima reunião.

 
 
  10/12/2018
Boletim CNTE 824
É urgente que as entidades educacionais se manifestem contra a aprovação sorrateira da nova BNCC do Ensino Médio
INFORMATIVO CNTE 824  
 
 
Videoconferência Reforma Tributária Solidária (06/08/2018)
 
 

Programa 606 - Vitória: projeto "Escola Sem Partido" é arquivado

 
 

Carta aberta aos(às) trabalhadores(as) em educação e à sociedade sobre os retrocessos na agenda social do país

 
  Acesse a agenda de mobilizações da CNTE
 
  Acesse nossa galeria de fotos
 
  Disponível na Google Play e App Store
 

 VEJA MAIS NOTÍCIAS
Evento é voltado para a diversão dos(as) profissionais em educação, que estejam aposentados(as), filiados aos Sindicatos Um dia de lazer e descontração é o que promete ser o 1º Encontro Estadual de...
A campanha salarial da rede municipal de Maceió já começou. Com data base em janeiro, o Movimento Unificado de Servidores Públicos Municipais manteve a unidade iniciada em 2017, realizou a 1ª assembleia do ano, nesta...
Professoras e professores buscaram a direção do SINTESE para denunciar que a Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura - SEDUC quer fechar seis escolas estaduais localizadas em Aracaju. São elas:...
Os membros do Conselho Geral do Sinte-PI realizaram a primeira reunião de 2019 na última terça-feira (15) para discutir pontos importantes para organização da categoria neste início de ano, como o reajuste dos...
Decisão foi votada em assembleia nesta quarta, 16, em protesto pelo cumprimento das reivindicações dos profissionais da Educação Os trabalhadores em educação da rede municipal de Guaraí decidiram...
Com o tema “Uma construção coletiva: a resistência do magistério público à BNCC e padronização curricular” o SINTESE realiza dia 01 de fevereiro, das 8h às 16h, no auditório...
Desde o dia 1º de janeiro, o piso salarial do Magistério válido para todos os docentes do país é de R$ 2.557,74. Isso representa um reajuste de 4,17% frente aos R$ 2.455,00 em 2018. O valor corresponde ao vencimento...
Em seus primeiros dias do novo mandato, o novo governador do Paraná, Ratinho Junior (PSD), publicou um decreto para bloqueio de R$ 8 bilhões das contas públicas do Estado. Isso significa que o governo poderá deixar de gastar...
Além de toda a luta coletiva que a rede estadual tem feito, o Sind-UTE/MG tem travado uma luta para que o Judiciário cumpra seu papel na garantia de direitos para os servidores e servidoras da educação. Até o mês...
O ano letivo na rede estadual de ensino de São Paulo se iniciará sob a égide de um novo governo, com problemas acumulados ao longo de anos e uma nova situação que poderá agravar ainda mais a falta de professores...
Como parte da Campanha Mundial contra a Privatização e o Comércio da Educação, a CNTE convida sindicatos filitados a participarem da apresentação do estudo sobre este tema realizado pela Internacional da...
O Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (Sind-UTE/MG), ao repercutir a escala de pagamento anunciada pelo governo do Estado, nesta terça-feira (8/1/19) faz as seguintes considerações: O...
Leia mais 
  Revista Mátria Programa de Formação Funcionários da educação Cadernos de Educação Pesquisas  
   
  Outras publicações 
 
   
   
  Mais eventos 
         
Outras campanhas 
         
         
         
         
 
 
             
INSTITUCIONAL LUTAS TABELA SALARIAL DOCUMENTOS LEGISLAÇÕES COMUNICAÇÃO FALE CONOSCO
             
- A CNTE - A Lei do Piso   - Caderno de Resoluções - Educacional - Notícias  
- Diretoria 2017/2021 - Cartilha do Piso   - Estatuto - Pesquisar - Giro pelos Estados  
- Entidades Filiadas - Propostas Diretrizes   - Moções   - CNTE Notícias  
- Secretarias de Carreira   - Notas Públicas   - Educação na Mídia  
  - Livreto Diretrizes       - Releases  
  e Carreira          
  - A Lei do PNE          
  - Cartilha do PNE    

CNTE - Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação

Endereço: SDS, Edifício Venâncio III, Salas 101/106
CEP: 70393-902 - Brasília-DF
E-mail: cnte@cnte.org.br

Telefone: +55 (61) 3225-1003

  - Royalties do Petróleo    
       
       
       
       
       
       
       
       
       
2014© Todos os direitos reservados.