Moção de apoio: Os/as Trabalhadores/as em educação de todo o Brasil se solidarizam com o movimento de ocupação do Fórum Sindical na Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Publicado em Quarta, 23 Janeiro 2019 10:56

banners mocao de apoio 2

O governador eleito do Estado de Mato Grosso Mauro Mendes (DEM) inicia seu mandato da pior forma possível: decidiu eleger como inimigos aqueles que promovem as políticas públicas e sociais do Estado, os servidores públicos. Mal tomou posse, o governador enviou à Assembleia Legislativa do Estado um pacote de medidas – que já ficou conhecido por todo o Estado como o pacote de maldades – que atacam os servidores. Sequer esperou o início da nova legislatura dos deputados estaduais, a se iniciar no próximo dia primeiro de fevereiro, e começou a tratar de questões centrais para a vida dos servidores públicos com deputados que sequer se reelegeram.

Pior do que o momento escolhido para a apresentação do pacote de maldades, é o seu próprio conteúdo. Os pontos 3, 4 e 5 do referido pacote se referem ao aumento da alíquota da Previdência dos servidores estaduais, da Lei de Responsabilidade Fiscal Estadual e da concessão da Revisão Geral Anual (RGA), que nada mais é do que o reajuste salarial anual dos servidores. Trata-se, como todos já conhecemos, do velho receituário de arrocho salarial em cima dos mais vulneráveis. Ainda em dezembro do ano passado, o governador Mauro Mendes já indicava o péssimo caminho por ele escolhido: ameaçava o não pagamento da RGA, condicionando-o ao cumprimento da Lei de Responsabilidade Fiscal do Estado, a demissão de 3 mil servidores e a suspensão de concursos públicos. Escolheu o inimigo errado! O verdadeiro problema que sangra financeiramente o Estado não são as remunerações dos servidores públicos do Estado, e sim as políticas desenfreadas de isenção e renúncia fiscal. Mas como essas são políticas destinadas aos grandes, é mais cômodo mexer com os pequenos.

Em pleno mês de férias, e apostando justamente em uma possível desmobilização dos servidores, o governador eleito apresenta à Assembleia Legislativa, a uma legislatura que já está acabando, um pacote de ataques aos direitos dos servidores. Em resposta a esse ataque, o Fórum Sindical, que reúne entidades do serviço público estadual, dentre as quais o combativo Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso – SINTEP, filiado a esta CNTE, ocupou no dia de ontem (22/01) a sede da Assembleia Legislativa do Estado. Não restou outra alternativa aos servidores públicos do Estado diante da truculência do novo governo e de sua reiterada negativa ao diálogo.

Governador Mauro Mendes, negocie com seus servidores públicos! O grande homem público não elege como inimigos aqueles que irão implementar as políticas públicas no Estado. A gestão da coisa pública, Governador, é coisa muito séria, que não deve se confundir com a gestão privada de qualquer indústria. Respeite o servidor público do seu Estado! Pela imediata retirada do pacote de maldades! Pela abertura imediata do diálogo! Todo apoio à luta justa e legítima dos servidores públicos do Estado de Mato Grosso!

Brasília, 23 de janeiro de 2019

Direção Executiva da CNTE

 

 
 
  12/04/2019
Boletim CNTE 832
Início dos encontros dos coletivos da CNTE
INFORMATIVO CNTE 832  
 
 
Heleno Araújo participa de palestra sobre a reforma da Previdência em Pernambuco
 
 

Programa 611 - Lançamento da 20ª Semana Nacional em Defesa e Promoção da Educação Pública

 
 

Novo ministro da Educação, Abrahan Weintraub, indica o aprofundamento das políticas de mercantilização e privatização da educação no país

 
  Acesse a agenda de mobilizações da CNTE
 
  Acesse nossa galeria de fotos
 
  Disponível na Google Play e App Store
 

 VEJA MAIS NOTÍCIAS
O Sindeducação tem recebido, ao longo das últimas semanas, diversas denúncias de professores que acusam as direções de escola, de exigir que os educadores trabalhem 15 minutos além da sua jornada, como...
O Sintero anuncia programação das Regionais para a 20ª Semana Nacional em Defesa e Promoção da Escola Pública, organizada pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação...
Preocupado com a saúde dos profissionais da educação, o Sinteal esteve na secretaria municipal de saúde de Maceió, no dia 11 de abril, para falar sobre a campanha de vacinação contra o vírus...
Os professores da rede municipal de Educação de Riachinho estão em greve por tempo indeterminado desde o dia 8 de abril. A decisão foi tomada pela categoria em assembleia geral, no dia 28 de março. O movimento...
O dia 15 de abril de 2019 marcou o início da greve da Educação no Estado do Amazonas. Os/as trabalhadores/as em educação do Estado, representados pelo SINTEAM, deflagraram o movimento grevista da categoria com uma...
O Sintero recebeu respostas de diversas reivindicações dos trabalhadores em educação, através do ofício nº4533/2019, expedido pela Secretaria de Educação do Estado de Rondônia (Seduc),...
A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação – CNTE, entidade representativa dos/as profissionais da educação básica do setor público brasileiro, repudia a atitude da...
Presidente da CNTE, Heleno Araújo, contribui com o ensaio “A Educação Cidadão ao golpe de 2016”, no livro A Constituição Traída que terá lançamento nacional em Recife -...
O Movimento Unificado dos Servidores Públicos de Maceió obteve importante vitória na última sexta-feira (12), após a inédita reunião com a presença do prefeito da capital, Rui Palmeira, e que...
O Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso renova a representação dentro do Conselho Estadual de Educação de Mato Grosso (CEE-MT) para a gestão 2019-2023. A nova composição,...
O governo de Jair Bolsonaro (PSL) enviou ao Congresso Nacional um Projeto de Lei (PL) que regulamenta o ensino domiciliar. O PL faz parte das metas dos 100 dias de governo do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos...
As atividades de mobilização do Dia em Defesa dos Precatórios do FUNDEF para os profissionais do Magistério prosseguiram na tarde de quinta-feira (11). O Sindeducação e o Sinproesemma promoveram um debate, com...
Leia mais 
  Revista Mátria Programa de Formação Funcionários da educação Cadernos de Educação Pesquisas  
   
  Outras publicações 
 
   
   
  Mais eventos 
         
         
Outras campanhas 
         
         
         
         
 
 
             
INSTITUCIONAL LUTAS TABELA SALARIAL DOCUMENTOS LEGISLAÇÕES COMUNICAÇÃO FALE CONOSCO
             
- A CNTE - A Lei do Piso   - Caderno de Resoluções - Educacional - Notícias  
- Diretoria 2017/2021 - Cartilha do Piso   - Estatuto - Pesquisar - Giro pelos Estados  
- Entidades Filiadas - Propostas Diretrizes   - Moções   - CNTE Notícias  
- Secretarias de Carreira   - Notas Públicas   - Educação na Mídia  
  - Livreto Diretrizes       - Releases  
  e Carreira          
  - A Lei do PNE          
  - Cartilha do PNE    

CNTE - Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação

Endereço: SDS, Edifício Venâncio III, Salas 101/106
CEP: 70393-902 - Brasília-DF
E-mail: cnte@cnte.org.br

Telefone: +55 (61) 3225-1003

  - Royalties do Petróleo    
       
       
       
       
       
       
       
       
       
2014© Todos os direitos reservados.