O Movimento na Infância

Publicado em Quarta, 22 Junho 2016 11:30

Ms. Jussara PietczakAppelt – Professora de Educação Infantil na Escola Municipal em Tempo Integral Eugênio Ernesto Storch e Centro de Educação Básica Francisco de Assis – EFA
Denise Marchand - Professora de Educação Infantil na Escola Municipal em Tempo Integral Eugênio Ernesto Storch

 

Desde bebê as crianças fazem movimentos com o corpo, aos quais, vão se estruturando e no decorrer de sua vida, assumem significações e exercem grande influência no seu desenvolvimento. Os primeiros movimentos da criança já são sentidos pela mãe ainda no útero.

Depois do nascimento, o que percebemos no desenvolvimento infantil é o corpo e seus movimentos. Nos seus primeiros anos, as crianças utilizam o corpo para expressar suas vontades, emoções e também seus conceitos e pré-conceitos.

Assim, o movimento é considerado como premissa fundamental no desenvolvimento humano em todas as suas dimensões, pois, as crianças desde cedo estão com o corpo em constante movimento, descobrem e comunicam-se com o mundo. Nesta perspectiva muito antes de aprender os ensinamentos formais escolares, o corpo das crianças precisa estar organizado, estruturado no tempo e no espaço, precisa desenvolver seus movimentos amplos, como correr, saltar, pular; e movimentos finos, tais como desenhar, recortar, amassar, ter experiências motoras que estruturem sua imagem e seu esquema corporal: controle, coordenação, conhecimento e consciência do seu corpo.

Nesta perspectiva, as escolas ao receberem as crianças precisam levar em conta o desejo e a necessidade de movimento que as acompanham, proporcionando experiências que sejam significativas envolvendo diferentes linguagens e movimentos corporais, de acordo com a realidade e a faixa etária de cada sujeito.

Segundo a pedagoga Bernadete W. Cisz, “a psicomotricidade vem auxiliar o desenvolvimento motor e intelectual da criança, sendo que o corpo e a mente integrados são os elementos da sua formação”. Ela, afirma que o trabalho psicomotor ajuda na estruturação da personalidade da criança, já que as crianças podem expressar melhor seus desejos, desenvolver suas necessidades e trabalhar suas dificuldades. Pois, as atividades motoras são importantes para o desenvolvimento global das crianças. Enquanto explora o mundo que a rodeia com todos os órgãos dos sentidos, vai aprofundando e expandindo a suas experiências individuais. E a melhor maneira da criança ter esta experiência motora é pelo ato de brincar. Quando brinca, a criança expressa sentimentos, necessidades e constrói o seu mundo, a sua aprendizagem com referências vividas.

Para Vygotsky(1987, p.91), o brincar é uma atividade humana criadora, na qual a imaginação, a fantasia e a realidade interagem na produção de novas possibilidades de interpretação de expressão e de ação pela criança, assim como, de novas formas de construir relações sociais com outros sujeitos, crianças e adultos.

Estas experiências com o brincar devem desencadear o fortalecimento e a estruturação da identidade das crianças, e que ao potencializar e respeitar as diferentes habilidades geram interações positivas, desafiadoras, reveladoras de autonomia, criticidade e criatividade, que parte da possibilidade de interpretar, representar e dar significado à realidade proporcionada pela vivência lúdica. Propõe-se que é na educação infantil que a criança está ativamente envolvida na exploração e experimentação de suas capacidades motoras. Pois, neste período a criança é envolvida pelo brincar que compreende uma forma de linguagem capaz de permitir à criança conhecer o mundo, os objetos, e a cultura. É pelo ato do brincar que ela expressa o mundo à sua maneira, construindo conhecimentos sobre ele, sobre si mesma e sobre os outros.

É pelas brincadeiras que as crianças tomam consciência de seu corpo de suas capacidades motoras e limitações, permitindo-se a experimentarem e se desafiarem para um crescimento cognitivo, afetivo e psicomotor.

Segundo a Proposta Curricular para a Educação Infantil do Município de Ijuí, o movimento significa muito mais que o mexer as partes do corpo, ou deslocar-se. A proposta referenda que “ao movimentar-se, a criança expressa sentimentos, emoções e pensamentos, ampliando as possibilidades do seu uso significativos de gestos corporais”. E nos primeiros anos de vida as conquistas são inúmeras e muito significativas, sendo necessário a importância em desenvolver diversos movimentos e explorar diversos materiais. Mas é na pré-escola que a criança aprende a controlar e aprimorar gradualmente o seu movimento ajustando suas habilidades de acordo com a vivência que está sendo desafiada a participar, assim como desenvolver conceitos e desmistificar pré-conceitos anteriormente estabelecidos em situações anteriores.

REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA

CISZ , Bernadete Wolff. O movimento é a primeira manifestação na vida do ser humano. http://educarparacrescer.abril.com.br/zigzigzaa/pedagoga.shtml
PROPOSTA CURRICULAR. Tempo e Espaço de ser criança. Secretaria Municipal de Educação, Ijuí, RS, 2014.
VYGOTSKY, Lev Semenovich. A formação social da mente. São Paulo, Martins Fontes, 1987.

 
 
  02/02/2018
Boletim CNTE 811
Preparação e a realização das Conferências Populares de Educação
INFORMATIVO CNTE 811  
 
 
INSTITUCIONAL CNTE | Resistência e Convocação para a Conape 2018 (01/12/2017)
 
 

Programa 597: CNTE faz balanço das lutas de 2017

 
 

Nota Pública: Paulo Freire continua sendo o patrono da educação brasileira

 
  Acesse a agenda de mobilizações da CNTE
 
  Acesse nossa galeria de fotos
 
  Disponível na Google Play e App Store
 

 VEJA MAIS NOTÍCIAS
Manifestantes realizam protestos nesta segunda-feira (19) contra a reforma da Previdência. A mobilização foi convocada por centrais sindicais. Em vários estados houve paralisação no transporte no início...
No início da manhã desta segunda-feira (19), dia nacional de luta contra a Reforma da Previdência, o Sinteal participou de uma panfletagem no terminal de ônibus do Benedito Bentes, dialogando com a população e...
O Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso (Sintep/MT) participou nesta segunda-feira (19.01) da mobilização contra a “reforma” da Previdência, em Cuiabá. O ato foi realizado na sede do...
Com trio elétrico ao som do samba enredo da escola de Samba Tuiti (RJ), "Meu Deus, Meu Deus, Está Extinta a Escravidão?” os trabalhadores da educação do município de Lauro de Freitas (Região...
Os trabalhadores da rede estadual de educação rejeitaram a proposta apresentada pelo governo e aprovaram por unanimidade a greve geral por tempo indeterminado a partir do dia 23 de fevereiro. “A proposta não contempla os...
A CUT, a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), demais centrais sindicais e movimentos sociais estão nas ruas nesta segunda-feira (19) lutando contra a reforma da Previdência de Temer que...
O valor que havia sido descontado pelo governo em função da paralisação de luta em março de 2017 finalmente será devolvido aos trabalhadores e trabalhadoras junto com o salário de fevereiro. Após...
Intervenção federal no Rio de Janeiro é cortina de fumaça para derrota iminente da Reforma da Previdência e se presta para, além de avançar com o golpe no Brasil, escamotear a rejeição...
O Sindicato APEOC, juntamente com a CUT e demais centrais sindicais, convoca os profissionais da Educação do Ceará para lutar contra a Reforma da Previdência proposta pelo golpista Michel Temer. Os trabalhadores de todo o...
Aumenta a adesão à greve nacional contra a reforma da Previdência que o ilegítimo e golpista Michel Temer (MDB-SP) quer aprovar a qualquer custo ainda este mês. Se for aprovada, a reforma acaba com a aposentadoria de...
O ano letivo iniciou hoje (15/2), mas a merenda não chegou nas escolas. Professores de Fonte Boa, Urucurituba, Nova Olinda, Manaquiri, Humaitá, Lábrea e Eirunepé informaram que não tem merenda nas escolas onde...
Iniciando o ano de lutas contra a retirada de direitos da classe trabalhadora, Centrais, Entidades Sindicais e Movimentos Sociais estão convocando trabalhadores e trabalhadoras para cruzarem os braços contra a Reforma da Previdência...
Leia mais 
  Revista Mátria Programa de Formação Funcionários da educação Cadernos de Educação Pesquisas  
   
  Outras publicações 
 
   
   
  Mais eventos 
         
Outras campanhas 
         
         
         
         
 
 
             
INSTITUCIONAL LUTAS TABELA SALARIAL DOCUMENTOS LEGISLAÇÕES COMUNICAÇÃO FALE CONOSCO
             
- A CNTE - A Lei do Piso   - Caderno de Resoluções - Educacional - Notícias  
- Diretoria 2017/2021 - Cartilha do Piso   - Estatuto - Pesquisar - Giro pelos Estados  
- Entidades Filiadas - Propostas Diretrizes   - Moções   - CNTE Notícias  
- Secretarias de Carreira   - Notas Públicas   - Educação na Mídia  
  - Livreto Diretrizes       - Releases  
  e Carreira          
  - A Lei do PNE          
  - Cartilha do PNE    

CNTE - Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação

Endereço: SDS, Edifício Venâncio III, Salas 101/106
CEP: 70393-902 - Brasília-DF
E-mail: cnte@cnte.org.br

Telefone: +55 (61) 3225-1003

  - Royalties do Petróleo    
       
       
       
       
       
       
       
       
       
2014© Todos os direitos reservados.