jornal mural setembro 2017 saude trabalhador site

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) registrou 612.632 acidentes de trabalho em 2015. Nesse período foram registrados onze mil acidentes que resultaram em incapacidade permanente e 2.502 que resultaram em morte. São dados alarmantes que exigem não só maior fiscalização do poder público, como também uma forte conscientização dos trabalhadores, para que eles exijam segurança e saúde no ambiente de trabalho.

Com o intuito de levar esse debate para instituições de ensino foi criado o Dia Nacional de Segurança e Saúde nas Escolas - 10 de outubro - pela Lei nº 12.645/2012. Nessa data temos a oportunidade de fazer com que noções de segurança e saúde sejam incorporadas cada vez mais cedo no cotidiano dos alunos e sejam mais reforçadas entre os trabalhadores em educação.

Estudos envolvendo trabalhadores em educação apontam para um cenário de adoecimentos característicos da profissão. Casos de violência, indisciplina e outras formas de desrespeito existem não só no Brasil: a Organização Internacional do Trabalho aponta para um quadro de escassez mundial de professores em virtude de questões como as condições precárias de trabalho e os baixos salários.

A CNTE avalia que para mudar esse quadro é necessário desenvolver ações e atividades que possam debater esse tema e promover segurança e saúde dentro do ambiente escolar. Também é importante preparar os jovens para se protegerem dos riscos e possíveis abusos do mundo do trabalho.

jornal mural setembro 2017 saude trabalhador miniatura