banners mocao de apoio 2

A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação – CNTE, entidade representativa dos profissionais do setor público da educação básica brasileira, torna público o seu mais irrestrito APOIO aos trabalhadores administrativos em educação do Estado do Mato Grosso do Sul e à sua legítima representação sindical, que é a Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul – FETEMS, que representa 74 sindicatos de educadores em todo o Estado e afiliada a esta CNTE.

Por decisão soberana da categoria, os/as trabalhadores/as administrativos em educação de Mato Grosso do Sul decidiram por realizar uma greve por tempo determinado, que se iniciou no dia de hoje (10 de abril) e perdurará até o próximo dia 30 de abril.

Essa greve se dá, fundamentalmente, porque o governador Reinaldo Azambuja insiste em não atender as reivindicações da categoria e, se não bastasse esse descaso, tenta manipular a opinião pública e dividir o movimento grevista, mentindo à sociedade sul-mato-grossense ao propagar a falsa notícia de que não haveria greve, usando a informação de uma entidade sindical que não representa os administrativos das escolas.

Sua principal reivindicação é por uma carreira que valorize esse/a trabalhador/a tão importante no universo escolar. Os/as trabalhadores/as administrativos também são educadores/as e merecem respeito. E respeito só se alcança com a valorização de uma carreira! Para isso, é fundamental também que se faça concurso público para esses/as trabalhadores/as no quadro de servidores do Estado e que o Governo incorpore o abono de 200 reais aos salários dos/as atuais servidores/as.

É muito importante destacar que os/as trabalhadores/as administrativos da educação do Estado estão sendo protagonistas de sua própria história de uma forma inédita: o movimento grevista da categoria está sendo feito, pela primeira vez, de forma autônoma e, só por isso, já mereceria nosso apoio.

Todo apoio ao movimento grevista dos/as companheiros/as! Saibam todos/as que podem contar com o apoio irrestrito da CNTE! Trabalhadores/as administrativos/as também são educadores/as e merecem respeito e reconhecimento pelo seu importante papel cumprido nas escolas!

Brasília, 10 de abril de 2018

Diretoria Executiva da CNTE