ESCOLAS MUNICIPAIS

2021 02 18 destaque riogrande

A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação - CNTE, entidade representativa dos profissionais da educação básica do setor público brasileiro, manifesta sua indignação com o fechamento de escolas no município de Rio Grande/RS.

Em plena pandemia, com o indicativo de retomada das aulas, o prefeito Fábio Branco (MDB), decreta, de forma autoritária, o fechamento de três escolas municipais, sem respeitar estudantes, pais e educadores/as, que foram surpreendidos com a atitude do prefeito.

Nesse momento em que se discute a retomada das aulas, a necessidade é de ampliação de espaços educativos para garantir o distanciamento social. O decreto está em dissonância com todas as determinações sanitárias nacionais e internacionais que determinam um número reduzido de alunos em cada sala de aula. A preservação da saúde e da vida de estudantes e seus familiares deve direcionar as ações do governo municipal. E isso não é possível com o fechamento de escolas, provocando necessidade de maior deslocamento dos/as alunos/as e o aumento de crianças nos mesmos espaços escolares.

Em conjuntura tão difícil, as comunidades atendidas pelas escolas fechadas são surpreendidas com uma atitude antidemocrática, vendo seu direito à educação sendo cerceado por ato de cima para baixo, sem qualquer diálogo.

A CNTE repudia a atitude do prefeito municipal, solicitando a abertura de diálogo com a comunidade escolar, com o SINTERG, entidade representativa dos/as trabalhadores/as em educação e com a própria Câmara de Vereadores, estabelecendo canais de comunicação que possam buscar alternativas de fortalecimento da educação pública de qualidade.

Brasília, 18 de fevereiro de 2021

Direção Executiva da CNTE