URGENTE

2022 05 18 datafolha educacao domiciliar

Nesta quarta-feira (18), a Câmara dos Deputados poderá votar, a partir das 14h, o requerimento de urgência das propostas de educação domiciliar (n.1942/20) e também o PL 3179/12, ao qual está apensado o PL 2401/19, do governo Bolsonaro sobre o homeschooling. A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) orienta a catagoria a entrar em contato com deputados/as para pedir a rejeição da urgência e desses projetos. De acordo com o levantamento do Datafolha, a população defende o direito das crianças frequentarem a escola: 8 em 10 brasileiros demonstram rejeição ao ensino domiciliar. Para 78% dos entrevistados, os pais não devem ter o direito de tirar seus filhos da escola e ensiná-los em casa. Nove em cada dez pessoas concordam que as crianças devem ter o direito de frequentar a escola mesmo que seus pais não queiram

Na avaliação da CNTE, o homeschooling (ensino domiciliar) é uma pauta anacrônica e sem fundamentos técnicos, proposta como contraponto ao esvaziamento imposto pelo Governo ao orçamento do Ministério da Educação. Também tem por objetivo agradar parcela reduzida da sociedade que despreza a importância da escola para a formação cidadã de crianças e jovens, especialmente para promover o respeito às diferenças e para ampliar o conhecimento a partir de diferentes teorias epistemológicas, em oposição ao negacionismo científico e ao obscurantismo que tomou conta das políticas públicas no Brasil.

Pressione pelas redes sociais

1. Participe do tuitaço hoje (18/05) das 12h às 13h e use as tags #NãoàEducaçãoDomiciliar e #HomeschoolingNão

2. Envie mensagem aos parlamentares por e-mail. Copie e cole o texto a seguir e envie para os deputados dessa lista (clique aqui para ver os endereços eletrônicos).

Sr.(a) Deputado(a),
O Brasil não quer o ensino domiciliar! Oito em cada dez brasileiros demonstram rejeição a essa modalidade de ensino, diz Datafolha. O país precisa de escolas equipadas, professores bem preparados e remunerados nas escolas públicas. Priorize investimento em educação de qualidade! Vote pela rejeição do Req 1.952/20 e contra o PL 2.401/19 (apenso ao PL 3.179/12).

3. Marque e comente nas redes sociais dos/as parlamentares. Baixe aqui os perfis dos/as deputados/as nas redes e registre sua mensagem contra a educação domiciliar nos perfis deles/as.